É possível prevenir o AVC. Saiba como!

By

O AVC é a doença que mais mata no Brasil e a que mais causa incapacidade no mundo, mas saiba que é possível prevenir o AVC: cerca de 70% das pessoas que sofrem um derrame não retorna ao trabalho depois do acidente vascular cerebral. Quer saber mais sobre essa terrível enfermidade, acompanhe nosso post!

Principais sintomas

perda súbita de força e formigamento no rosto, braço ou perna de um lado do corpo; dificuldade de falar; perda de visão repentina em um os nos dois olhos; dor de cabeça forte e sem causa aparente e vertigem ou dificuldade de caminhar. Ao manifestar qualquer um deles, busque atendimento médico imediatamente.

O que causa esse problema?

O Acidente Vascular Cerebral Isquêmico é o mais comum, causado pela falta de sangue em determinada área do cérebro, decorrente da obstrução de uma artéria. O Acidente Vascular Cerebral Hemorrágico é causado por sangramento devido ao rompimento de um vaso sanguíneo.

O que fazer diante da suspeita de AVC?

A identificação rápida dos sintomas é muito importante para o diagnóstico e o tratamento adequado, além de redução de incapacidades. Dirija-se imediatamente a um serviço hospitalar especializado. Não perca tempo! Cada minuto é importante, pois quanto mais tempo entre o surgimento dos sintomas e o início do tratamento adequado maior a lesão no cérebro.

Quais os principais fatores de risco?

Hipertensão (Se controlada, diminuiria as taxas de AVC em 47,9%)

Sedentarismo

Colesterol alto

Dieta ruim (Se controlada, diminuiria a taxa de AVC em 23,2%)

Estresse

O que acontece com o cérebro durante o AVC?

Nos dois tipos de AVC uma vez que o sangue, contendo nutrientes e oxigênio, não chega a determinadas áreas do cérebro, ocorre a perda das funções dos neurônios, causando os sinais e sintomas que dependerão da região do cérebro envolvida. O AVC atinge pessoas de todas as idades, sendo raro na infância. Deve ser considerado como um ataque cerebral, pois é a causa mais frequente de morte e incapacidades na população adulta brasileira.

Principais métodos de tratamento

Medicamentos em comprimidos

AAS, Clopidogrel e Sinvastatina: são medicamentos usados em casos de suspeita deste tipo de AVC ou isquemia transitória, pois são capazes de controlar a formação do coágulo e evitar mais oclusão dos vasos cerebrais.

Realização da trombólise

A trombólise com injeção de APt é uma enzima que deve ser administrada somente quando o AVC isquêmico já está confirmado com tomografia, devendo ser utilizada nas primeiras 4 horas, pois destrói rapidamente o coágulo, melhorando a circulação sanguínea para a zona afetada e diminuindo as sequelas.

Uma solução a tempo

Como já vimos, a pressão alta é responsável por quase metade dos casos de AVC no Brasil e pode ser facilmente controlada com remédios encontrados nas melhores farmácias. Pensando nisso, a Centrape garante benefícios especiais para nossos associados: descontos de até 35% nas Drogarias Pacheco e Drogaria São Paulo. Basta ser associado para ter o benefício.

Deixe um Comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.

You may also like