Estresse: Saiba como este problema atinge os idosos no Brasil

By

O estresse, ou os sintomas de estresse, já foram ou serão sentidos por todos nós, apesar disso com o passar dos anos, a presença desta “enfermidade” tem sido muito recorrente em idosos.

As origens do estresse podem ser variadas. Dentre as situações mais comuns, está a necessidade do idoso de conviver com problemas que chegam com a terceira idade. Doenças crônicas, pouca adaptação ao novo estilo de vida de aposentado (especialmente para aqueles que costumavam fazer do trabalho um motivo para viver), perda da esposa/marido, problemas financeiros, problemas para dormir, etc.
Diante dessas novas situações do dia-a-dia, o idoso acaba por se sentir inútil e abandonado, uma vez que ele já não trabalha todos os dias, além de que, muitos acabam morando sozinhos, ficando um tanto isolados e ainda mais estressados.

O estresse crônico aumenta as chances de o idoso ter uma doença cardíaca. Pode causar azia, piorar a diabetes, aumentar a pressão arterial e tornar o idoso mais ansioso, preocupado e, consequentemente, frustrado.

Os principais sintomas de estresse em idosos

Infelizmente poucas pessoas sabem como auxiliar o idoso no controle das reações geradas pelo estresse, tão pouco identificar quais são os seus sintomas principais.
Sendo assim, neste post você conhecerá os principais sintomas de estresse em idosos. Poderá identificá-los e saber a melhor maneira de se comportar diante de situações assim.

Baixa concentração

Veja se o idoso está com dificuldades para se concentrar em coisas simples da rotina diária, como por exemplo, assistir um filme, ler um livro, cozinhar, etc.

Dores de cabeça

Sentir dores de cabeça é normal, todos nós sentimos isso após um dia um tanto quanto cansativo. Mas as dores de cabeça frequentes podem ser um sinal de estresse. Vale a pena consultar um médico para descobrir a causa.

Indigestão por estresse

Perda de apetite e problemas na digestão de alimentos também podem ser um sintoma de estresse. É como se a pessoa sentisse o estômago “embrulhado” a todo momento.

Palpitações cardíacas

A presença de palpitações cardíacas estão ligadas totalmente ao sistema nervoso, que quando sob situações de estresse, acelera e causa palpitações.

Irritabilidade

Se o idoso é uma pessoa calma e serena, e de repente, se torna uma pessoa que fica facilmente irritada, este também é um sinal de estresse. Tente conversar com o mesmo e descobrir o que o está deixando dessa forma, em muitos casos a pessoa apenas precisa desabafar.

Indecisão

Nem todos nós, seres humanos, somos capazes de tomar decisões rápidas, isso é fato. Mas a frequente falta de capacidade de decidir significa que há alguma coisa errada, vale a pena investigar.

Dores na coluna

Dores recorrentes na coluna também podem ser causadas por estresse, uma vez que esse sentimento afeta todo o nosso organismo e o corpo responde com dores nessa região.

Quer saber mais sobre a saúde dos idosos? Então clique aqui: http://centrape.org/blog/saude/

 

Você também pode nos contatar através de nossos canais de atendimento:

[email protected]

0800 770 9696 – Central de Atendimento 24hrs

0800 770 4747 – Ouvidoria

Acesse também: https://centrape.org/

Facebook: https://www.facebook.com/centrape

Instagram: https://www.instagram.com/centrape.aposentados/

You may also like